2 de novembro de 2008

Derrota e vitória nas eleições municipais

Derrota e vitória nas eleições municipais

Políticos homossexuais sofrem derrota esmagadora em todo o Brasil, porém eleitores cristãos que os derrotaram acabaram sem alternativas políticas no final

Julio Severo

Não há a menor dúvida de que, de maneira espetacular, os candidatos homossexuais foram derrotados nas eleições municipais de 2008. Dos 128 milhões de eleitores brasileiros, um número inexpressivo de 66 mil (0,005% dos votos válidos) votou em candidatos LGBT. Dos 73 candidatos homossexuais, apenas 4 foram eleitos em todo o Brasil.

Esses resultados surpreendentes mostram que se Luiz Mott, considerado o maior líder homossexual do Brasil, tentar se eleger para prefeito, ele ficará famoso — do mesmo jeito que o Titanic ficou famoso.

Contudo, o maior problema é que, mesmo ao votarem em outros candidatos a fim de não votarem em candidatos explicitamente pró-homossexualismo, a população estava sem opção. No caso de Marta Suplicy, os maiores grupos e líderes homossexuais do Brasil a apoiaram, reconhecendo que a vitória dela na cidade de São Paulo significaria um avanço acelerado da agenda homossexual. Mas ao contrário do que se poderia imaginar, a vitória do seu oponente não representou derrota direta para eles.

Como prefeito, Gilberto Kassab é autor do projeto de lei 359/2007, que é essencialmente um PLC 122 municipal. (Veja o projeto aqui: http://juliosevero.blogspot.com/2007/07/alerta-para-cidade-de-so-paulo-o-perigo.html) Assim, enquanto os militantes homossexuais amargaram a derrota de Marta, eles nada têm a temer com a vitória de Kassab. Suas opções e privilégios estão garantidos. Só o restante da população é que ficou sem nenhuma alternativa: podia votar na raposa perversa ou no lobo mau.

A única diferença básica entre Suplicy e Kassab é que ela é muito mais obcecada na questão homossexual. Mas em análise final, os dois são pró-homossexualismo.

Por isso, como cristão, penso que a atitude mais correta em eleições é, quando não há nenhuma opção viável, não entregarmos nossa autoridade espiritual aos ímpios. É nesse aspecto que o voto nulo é necessário para os cristãos, para ajudá-los a não comprometer seus valores com políticos que os estuprarão social e politicamente.

No entanto, sem perceberem, na estratégia de derrotar um candidato descaradamente pró-homossexualismo, muitos cristãos, ao escolherem outros candidatos para representá-los, acabam através do voto entregando sua autoridade espiritual para ímpios. Péssima escolha, pois muitos de seus candidatos selecionados, que defendem o aborto e o homossexualismo, não vão querer defender os valores de vida e família da maioria de seus eleitores.

O brasileiro defensor da família encontra-se assim terrivelmente representado em seus valores. Apesar de serem maioria absoluta no Brasil, os cristãos estão sem representatividade legítima, enquanto que oportunistas pró-homossexualismo infestam a esfera política. Quando não, os eleitores cristãos caem vítimas de oportunistas nominalmente evangélicos.

Caberá aos cristãos assumirem um papel maior de arrependimento e intercessão. É tempo de chorar diante de Deus, pois além da corrupção e promoção do aborto e do homossexualismo, a política se tornou um grande deserto no que se refere à representatividade de verdadeiros defensores da família e dos valores cristãos da maioria do povo brasileiro.

É verdade que, durante o período eleitoral, Kassab se mostrou muito mais aberto aos cristãos do que Marta, porém tal abertura em época de eleições é suspeita. Basta considerar o episódio em que Kassab foi virtualmente compelido a aceitar Jesus numa igreja evangélica sob o holofote das câmeras. Veja aqui o vídeo desse episódio:

Se quisermos de fato conquistar o Brasil para o Senhor Jesus, precisaremos nos libertar do estilo “convershow”, onde a conversão dos famosos vira show nas igrejas, prejudicando a operação humilde de Deus. Precisamos dar liberdade a fim de que a conversão genuína aconteça na intimidade entre o coração humano sedento e o Espírito Santo.

Que Kassab possa ter tal experiência, sem pressões, pois uma grande parte daqueles que nele votaram — sejam católicos ou evangélicos — professa valores contrários às políticas dele que estão dando continuidade às loucuras e aberrações de gente como Marta Suplicy. Que ele possa fazer com tais políticas o que o povo de São Paulo fez com Marta e sua agenda gay nas eleições.

Diante da ameaça de Marta e seus valores e diante da ameaça dos radicais militantes homossexuais que deram a ela apoio em massa contra Kassab, muitos cristãos escolheram apoiá-lo. O que ele agora fará por eles e seus valores?

Fonte: www.juliosevero.com

Leia mais

Marta Suplicy, a rainha do radicalismo homossexual, sofre grande derrota eleitoral em São Paulo

10 comentários :

Julio Severo disse...

A passagem bíblica apresentada no vídeo foi colocada por outra pessoa, mas deixo claro que, pelo menos na cena que se viu, não há heresias. No máximo, houve exageros. Infelizmente, não consegui remover a passagem descontextualizada, mas há coisas aproveitáveis no vídeo.

jefferson disse...

JEFFERSON
vcs envangélicos sao uma piada mesmo rsssss, dizer qe os candidatos gays foram derrotados por esmagadora margem rsss, só idiotas e hipocritas como vcs envangelicos pra falarem tal asneira.Aki na minha cidade teve um candidato gay, ele nao ganhou porem alem de todos gostarem dele, o partido e os candidatos com mais embargo saem na frente, ora bolas vcs mesmo sabem qe o povo nao votou pensando nisso ou nakilo ou porke um candidato é isso ou akilo, ora bola aki nao é os ESTADOS UNIDOS DA HIPOCRISIA, aki no BRASIL ningem se importa com a vida dos outros ou o ke cada um faz de sua vida, acontece é qe vcs crentes é que estao acostumados a cuidar da vida dos outros e axam qe todos sao iguais a vcs, mas o povo sabe que tipo de gente é vcs crentes, e as eleiçoes do rio de janeiro lhes mostraram isso.Quanto as eleiços de sao paulo,todos sabem,
bom se a marta perdeu o kassab ganhou hehehehe, o kassab tbm apoia os gays e se naum me engano foi ele que tem tirou a marcha pra jesus da paulista naum?
kassab sempre está em varias festividades gays entre elas a parada gay de sao paulo que é a maior do mundo, enfim caiam na real vcs envangelicos ningem votou contra marta porke ela eh a favor disso ou dakilo,ora aki naum eh os estados unidos da hipocrisia onde lá eles levam isso en conta, estamos no brasil aki ningem vota pensando em ideologias, aki o povo vota em troca de empregos ,troca de favores e ningem vota pensando se este ou akele candidato eh a favor disto ou dakilo, caiam na real.
Basta ver pelas eleiçoes do rio de janeiro,onde os dois candidatos pró-gays foram pro segundo turno, sendo que o gabeira é responsavel pelo pl que legaliza a maconha e a prostituiçao, e no entanto ningem eu disse ningem usou isso contra ele ao contrario a disputa foi pau a pau, e quanto ao crivela, rsssss , realmente o povo carioca soube separar o joio do trigo, rssssss.
AH LEMBRANDO QUE O GERALDO ALCKIMIN TBM É PRÓ-GAY, CANDIDATO QE FIKOU EM TERCEIRO LUGAR EM SAO PAULO.
E BASTA DIZER QUE NOSSOS PRESIDENTES TANTO O FERNANDO HENRIQUE, QUANTO O LULA, AMBOS PRÓ-GAYS, NAO SÓ FORAM ELEITOS , COMO FORAM REELEITOS,E EM PESKISA ATUAL MOSTRA QE LULA TEM O MAIOR INDICE DE APROVAÇAO DA HISTORIA E A MAIOR DO MUNDO ENTRE OS PRESIDENTES, ORA BOLA PORKE O SR. NAO COMENTA DISSO, OU O SR. JULIO HIPOCRITA SEVERO E OS DEMAIS CRENTES HIPOCRITAS, OU VCS SE ALIMENTAM DE ALFAFA OU VCS
TEM DIARREIA MENTAL.
ORA BOLA AKI NAO É OS ESTADOS UNIDOS DA HIPOCRISIA, AKI É O BRASIL, E ESSA É A FRUSTRAÇAO DE VCS CRENTES HIPOCRITAS, PORKE VCS ASABEM QE NO BRASIL NINGEM VOTA POR IDEOLOGIA OU POR CAUDA DISSO OU DAKILO E SIM EM TROCA DE FAVORES, COMO EMPREGO, ETC. ESTAMOS NO BRASIL, UOS PAÍSES MAIS LIBERAIS DO MUNDO, O POVO AKI NAO SE IMPORTA COM O QE O CANDIDATO FAZ DE SUA VIDA, JÁ VCS CRENTES HIPOCRITAS, LOUCOS FANÁTICOS É QE GOSTAM DE VIVER A VIDA ALHEIA E AKI PRA NOS VCS SABEM QE O POVO BRASILEIRO NAO SUPORTA ENVANGELICOS JUSTAMENTE PELA HIPOCRISIA, PELO AMOR DE DEUS, ACORDEM PRA VIDA E VAO VIVER A REALIDADE VCS CRENTES, PORKE ESTAMOS NO BRASIL E NAO NO MUNDINHO HIPOCRITA DE VCS ONDE A HIPOCRISIA REINA E A LOUCURA IMPERA!
E ATE LÁ NOS ESTADOS UNIDOS SE PREPAREM PORKE O OBAMA TA VINDO...

Roberto Domingos disse...

Pelos Céus, preconceito, transtorno de personalidade, alienação e ainda massacra a lingua portuguesa.
Não sou evangélico sou católico, não concordo com tudo o que o Júlio escreve mas neste caso, bato palmas.

jefferson disse...

JEFERSON
COM TODO RESPEITO SR.ROBERTO MINHA LINGUAGEM É A QUE TODOS OS JOVENS USAM NA INTERNET, MAS MINHA MENSAGEM EU CONSEGUI PASSAR E É ISSO QUE FRUSTRA VOÇE E OS DEMAIS HIPOCRITAS, PORQUE PARA UM BOM ENTENDEDOR MEIA PALAVRA BASTA, DEIXE DE SER FRUSTRADO E VÁ VIVER A REALIDADE, PORQUE TUDO ISSO NAUM PASSA DE DESPEITO E INVEJA EM RELAÇAO A COMUNIDADE GAY, QUEM TEM FATOS MOSTRA QUEM NAO TEM FICA CALADO E VIVA A REALIDADE!

Jorge Nilson disse...

Esse Jerferson já conhecido em seus comentários. Ele anda deseperado pelo crescimento dos evangélicos no Brasil. Ele teme que aqui aconteça o que acontece hoje nos EUA. Sou evangélico e concordo com tudo quwe este blog diz. Ele diz que gostamos de viver a vida alheia. Ele diz isso por que os cirstãos verdadeiros são os únicos que realmente incomodam denunciando o pecado e impiedade. Quando ele diz que somos hiócritas, ele usa o mesmo argumento dos gays, por não ter como defender-se desta prática pervertida que é o homossexualismo. Seu Jerferson, não se desepere tenha calma, ainda dá tempo de fugir do inferno. Creia em Jesus e deixe Ele mudar a sua vida.

marcelo victor disse...

Assim como ocorreu no éden, a "verdade" será anunciada a todos os habitantes da terra, conforme nos asseguram as Escrituras Sagradas, queira o homem ou não.
Foi dado por DEUS ao homem o direito de escolher e cada um exerce-o como quer (Adão e Eva, por exemplo, decidiram dar ouvidos ao diabo).
Uns ouvirão as boas novas para a salvação eterna, outros para a perdição eterna.
Graças devemos dar ao Senhor DEUS por ter nos dado o direito de ouvirmos e nos expressarmos livremente no Brasil (pelo menos por enquanto), fazendo-o, como disse, para benefício ou malefício da nossa própria alma (salvação ou perdição eternas).
Convenhamos, o Sr. Jefferson apresenta corajosamente uma série de afirmações, nas quais, segundo meu modesto parecer, encontramos fundos de verdade, em alguns, e equívocos em outros.
Primeiro, é preciso saber se o Sr. Jefferson acredita ou não na existência de DEUS. Depois, é necessário saber em qual deus ele acredita.
Se ele disser que acredita no DEUS da Bíblia, então, serei obrigado a dizer-lhe que, de fato, precisa ler o que diz a Palavra de DEUS a respeito da “fé” (Hebreus 11 fala bastante sobre o assunto).
Porém, em alguns aspectos, sou obrigado a concordar com o Sr. Jefferson, como, por exemplo, quando ele fala da hipocrisia de muitos que se dizem “crentes”.
Embora muitos não admitam, a existência e a multiplicação dos hipócritas também é cumprimento da Palavra de DEUS (vide a “apostasia do fim dos tempos”), testificada, por exemplo, pelo próprio Apóstolo Paulo em Tito 1: 16 “Confessam que conhecem a DEUS , mas negam-no com as obras, sendo abomináveis, e desobedientes, e reprovados para toda boa obra”.
Muitos dos que se dizem “crentes” se preocupam de fato em cuidar da vida alheia e se esquecem da sua própria conduta, praticando obras dignas de serem chamados “filhos da perdição” duas vezes (como é o caso de alguns pastores que estão no Congresso Nacional).
Algumas pessoas não praticam determinadas aberrações, mas, no oculto de seus corações, consentem com os que as fazem e se esquecem de que, no juízo daquele grande dia, terão descortinados os segredos dos seus corações (trazendo sobre si vergonhosa condenação eterna).
Os problemas sociais do Brasil, amplamente explorados pelos políticos cruéis e hipócritas (inclusive políticos evangélicos), são os grandes responsáveis por muitos erros praticados pela massa de pessoas desta nação, as quais, independentemente de convicção religiosa, são levadas, muitas das vezes, a trocar voto por um prato de comida ou por um emprego, conforme disse o Sr. Jefferson.
Sob o ponto de vista bíblico, Sr.Jefferson, o importante é que o evangelho seja anunciado aos quatro cantos da terra, mesmo que por contenda, ou por interesses financeiros, ou por qualquer coisa que o valha.
Apenas para lembrarmos, escrito está, na Bíblia, que os hipócritas não herdarão o reino dos céus, juntamente com os sodomitas, e os mentirosos, e os roubadores, e os feiticeiros...
Este Blog, Sr. Jefferson, independentemente das convicções de seus participantes (os quais não são exemplo para ninguém, pois, segundo as Escrituras, o exemplo é unicamente Cristo), está colaborando para que a Palavra de DEUS se cumpra (da mesma forma que eu e o senhor).
Continue corajoso e disposto a dialogar a respeito das questões espirituais e da razão da existência humana, um assunto tão intrigante que tem levado milhões de pessoas a cometerem toda sorte de barbaridades e abusos (até em nome de suas divindades) e outras a realizarem atos dignos de aplausos por parte de muitos de seus semelhantes, aproximando-se do Criador, o qual é bendito eternamente.

Roberto Domingos disse...

Lamento jefferson, a realidade de que fala, homem se esfregando com homem não é a minha praia, agora quanto sua afirmação "...crivela, rsssss , realmente o povo carioca soube separar o joio do trigo."
Pergunto: se o carioca troca seu voto por prato de comida, porque ele se preocuparia em separar o joio do trigo? O Crivella pode dizer que é evangélico, acredita quem quiser, este Sr. pertence a unica igreja no mundo que apóia o aborto e um governo que apóia tudo o que não presta. A igreja de Crivella é capaz até de interpretar a Bíblia, criando uma doutrina de sargeta, na tentativa de mostrar que Deus é a favor de tal abominação. Crivella, Jandirona, Lula apoiaram Eduardo Paes, e Paes ganhou no Rio, homosexuais de passeata, abortistas, milícia, tudo que não presta num balaio só...Mas vai chegar o dia que cristãos de verdade vão se unir e o Rio de Janeiro voltará a sorrir e quando este dia chegar, como ainda é jovem, já terá trocado a bandeira atual por outra mais digna.

marcelo victor disse...

Sr. Jefferson,
Este Blog, entendo eu, não tem, de forma alguma, intenção de ferir os preceitos constitucionais brasileiros e, muito menos, a declaração universal dos direitos do homem.

Porém, é um instrumento para anunciar ao mundo a voz do DEUS das Sagradas Escrituras e Sua soberana vontade para aqueles que estão dispostos a amá-Lo na mesma proporção que Ele nos ama.

Esclareço, ainda, ao senhor, que o amor de DEUS é tão sublime que não faz acepção de pessoa. Ele é igual para com o branco, o negro, o índio, o rico, o pobre, o homem, a mulher, o feio, o bonito, o alto, o baixo, etc.

Esse DEUS, de quem eu falo, respeita, inclusive, a decisão de cada um de nós.

Tanto é verdade que o senhor, seu Jefferson, optou por ser um homossexual e Ele continua proporcionando-lhe ar para que o senhor respire, na mesma proporção que Ele proporciona àqueles que optaram por servi-Lo nesta breve passagem do ser humano pela terra.

Porém, Sr. Jefferson, segundo as Escrituras Sagradas, haverá um dia em que essa decisão, tomada durante a vida terrena, terá um grande e decisivo peso.

Se alguém que decidiu ser cristão, andou conforme os preceitos estabelecidos pelo Espírito de DEUS, no Novo Testamento, todos os dias da sua vida (sendo fiel até à morte), o tal viverá eternamente em um reino onde só haverá alegria e contentamento.

Mas, haverá castigo eterno para aqueles que, ao contrário, não fizeram a mesma opção ou fazendo-a, não foram fiéis até o fim de suas vidas aos preceitos de DEUS.

Se o senhor tem acessado este Blog, Sr. Jefferson (e tem toda liberdade de fazê-lo) com o desejo de conhecer as coisas relativas ao reino de DEUS, meus parabéns. Pois o senhor está no caminho certo.

Porém, se o senhor o faz somente para encontrar algo em que se possa basear para criticar os cristãos, generalizando-os, eu sugiro que o senhor procure outros Blogs que sejam partidários às suas convicções pessoais. Pois, sinto-lhe informar, mas o senhor está perdendo seu tempo, uma vez que os cristãos verdadeiros jamais declinarão de suas convicções, mesmo diante da morte.

Não quero dizer, com isso, que o senhor não tem o direito de continuar acessando este Blog mesmo que a razão para acessá-lo seja a última que apresentei acima. Esse direito decorre do fato de vivermos em um país livre e o senhor dispõe dessa liberdade, como os demais.

Porém, como vi em muitos outros casos, melhor seria para sua alma se o senhor optasse por deixar esse estilo de vida que contraria à soberana vontade do DEUS das Escrituras Sagradas.

Meu voto é que o senhor faça um concerto com Ele, batizando-se à semelhança do Senhor Jesus Cristo, e se junte àqueles que vivem esta vida passageira na esperança de um dia terem direito de entrar em um reino onde habita a justiça, bem longe das barbaridades que presenciamos no dia-a-dia desta vida terrena.

Felicidades, Sr, Jefferson.

Anônimo disse...

Convenhamos Kassab é muito, mas muito mais pró-homosexualismo do que Marta.

Os irmãos acabaram elegendo um baitola para prefeito.

Julio Severo disse...

Não votei nem apoiei Kassab nem Marta, mas as pessoas mais indicadas para dizer quem era mais pró-homossexualismo são justamente os ativistas homossexuais. E eles disseram. O apoio deles foi para a Marta. Marta tem muito histórico nessa área. Além disso, a meta de Lula, elegendo-a em São Paulo, era conduzi-la à presidência. Lá, ela defenderia o que sempre defendeu. É por isso que, com tudo o que Kassab fez a favor do homossexualismo, os gayzistas preferiram Marta, pois ela fez e ainda ia fazer muito, muito mais.